jusbrasil.com.br
19 de Julho de 2019

Ao invés de prender mulher acusada de roubar loja, policiais pagam sua refeição

Adimplente Consultoria Imobiliária, Administrador
há 8 dias


A polícia de Nova York foi acionada após receber uma denúncia de uma mercearia, que acusou uma mulher de roubar comida da loja. Ao chegarem no estabelecimento, os policiais não a prenderam; ao invés disso, pagaram uma refeição pra ela.

O caso aconteceu na última quinta-feira (4) em uma filial da rede de mercearias Whole Foods. A denúncia foi feita por um segurança da loja, que pediu aos policiais que confrontassem a mulher, suspeita de furtar comida.

Louis Sojo, policial responsável pelo atendimento da denúncia, disse que encontrou algumas embalagens de comida pronta na bolsa da mulher. Em resposta, a mulher começou a chorar muito, dizendo que estava morrendo de fome.

Sensibilizado, o policial pagou a comida dela, para surpresa do segurança e dos clientes que estavam na mercearia. Em seguida, eles escoltaram a mulher até o caixa, onde lhe deram cerca de US$ 30 (R$ 120) para cobrir sua refeição. O valor excedente foi gasto em alimentos para os próximos dias.

“Ela foi extremamente emotiva. Nos agradeceu bastante e ficou praticamente sem palavras com o que aconteceu”, disse Sojo.

“Quando você olha para o rosto de uma pessoa e vê que ela precisa de você e está realmente com fome, é muito difícil, como ser humano, se afastar e ser indiferente”, disse ele. “Estamos extremamente honrados em poder ajudá-la, mas não fizemos isso por atenção”, finalizou.

(Fonte: razoesparaacreditar.com)


➡️ CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

✔️ Advogado Rico - O curso ensina técnicas para transformar a realidade do seu escritório, de alavancar exponencialmente a sua carteira de clientes

✔️ Petições Imobiliárias 2019 - Um acervo completo de Petições envolvendo Direito Imobiliário + 4 Combos Exclusivos - Usucapião, Possessórias, Contratos, Escrituras

✔️ Cronograma 30 Dias para Aprovação na OAB - O melhor custo benefício em Planejamento de Estudo do Mercado

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)